Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/09/16 às 22h13 - Atualizado em 17/12/18 às 11h25

Operação conjunta do IBRAM, IBAMA e Polícia Federal apreende 28 aves silvestres

Em uma ação conjunta com a Polícia Federal e o IBAMA, auditores fiscais da Gerência de Fiscalização de Fauna do Instituto Brasília Ambiental (Ibram) realizaram, na manhã desta quarta (21), operação que atendia a denúncias feitas na PF sobre a criação irregular de aves silvestres. A atividade ocorreu na Região Administrativa de Santa Maria. Foram apreendidas 28 aves silvestres em cativeiro e aplicado um total de R$ 24 mil em multas.

 

De acordo com a auditora fiscal do IBRAM Karina Torres, do total de aves, 26  foram apreendidos pelo IBAMA e pertenciam a um mesmo criador, que foi multado em R$ 22 mil. Nelas, foi constada adulteração de anilhas, espécie de pulseira utilizada para identificar as aves, considerado crime federal. O criador dos animais foi enquadrado no crime de receptação de furto e foi encaminhado para as dependências da PF e liberado após pagar fiança.

 

As outras duas aves eram pássaros pertenciam a outro dono e foram apreendidas pelo IBRAM, que aplicou multa de R$ 2 mil. A irregularidade foi ausência de anilhas. Os auditores fiscais do Instituto contribuíram também com o apoio logístico, fazendo a identificação dos animais e a medição das anilhas.

 

Todas as aves apreendidas foram encaminhadas ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), do IBAMA.






 

Brasília Ambiental - Governo do Distrito Federal

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543