Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/03/13 às 14h50 - Atualizado em 17/12/18 às 11h24

Na Mídia – Parque Bosque do Sudoeste é inaugurado

Espaço de lazer possui quadras poliesportivas e de areia, anfiteatro, playground, aparelhos de ginástica, banheiros e ciclovia, além de 500 espécies de árvores

(Matéria publicada na Agência Brasília, em 23/03/2013)

O Governo do Distrito Federal entregou hoje (23) mais um parque à população, desta vez para atender as regiões do Sudoeste e Octogonal. O espaço de lazer possui quadras poliesportivas e de areia, anfiteatro, playground, aparelhos de ginástica, banheiros e ciclovia, além de 500 espécies de mudas plantadas no local. O investimento foi de R$ 3 milhões, realizado por meio de compensações ambientais previstas no programa Brasília, Cidade Parque e apoio de instituições públicas e privadas.  

Durante a inauguração do parque, o governador Agnelo Queiroz, acompanhado da primeira-dama, Ilza Queiroz, e do vice-governador Tadeu Filippelli, recebeu duas importantes distinções. A primeira, da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), intitulada Prêmio Guardiões da Água, reconhece os esforços do governo em preservar os aquíferos do DF por meio da criação de parques. A segunda, dos Correios, é o selo de Emissão Especial Ano Internacional de Cooperação pela Água.  

“O maior prêmio será o da população, ao receber mais um instrumento importante na melhoria da qualidade de vida e saúde dos moradores. O grande objetivo é investir no desenvolvimento sustentável e planejar Brasília para os próximos anos como uma Cidade Parque”, afirmou Agnelo Queiroz.  

O casal de moradores do Sudoeste, Clara Remaso Soares, 34 anos, e João Guimarães, 37 anos, acredita que a entrega do parque vai valorizar a região. “Com certeza incentivará as pessoas a fazer mais exercícios e práticas de lazer”, comentou Clara. “A comunidade precisava de um espaço assim há anos”, completou Vinícius.  

O Parque Bosque do Sudoeste é o 30º espaço de lazer que o GDF está desenvolvendo no Distrito Federal, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh). Este mês já foi assinada autorização para o início das obras do Parque Ecológico Três Meninas, em Samambaia. A meta do governo é construir ou revitalizar 72 espaços ecológicos.  

Iniciativa – Ao entregar o Prêmio Guardiões da Água, o diretor-presidente da Adasa, Vinicius Benevides, destacou que o programa Brasília, Cidade Parque, desenvolvido na gestão de Agnelo, é uma das grandes iniciativas no DF para preservar os córregos que cortam os parques. “Além disso, Brasília é uma das concorrentes para sediar o Fórum das Águas, um dos maiores eventos internacionais para discutir as políticas do setor. Isso mostra os avanços que tivemos nessa área”, pontuou Benevides.  

“Todas as melhorias que tivemos mostram o compromisso com o desenvolvimento sustentável. Graças ao programa Brasília, Cidade Parque, o resultado é promissor e as compensações ambientais se tornaram um interesse do empresariado local”, explicou o secretário do Meio Ambiente, Eduardo Brandão.  

Segundo o administrador regional do Sudoeste, Marcelo Siciliano, desde 1999 o espaço estava abandonado. “Os principais beneficiados serão os moradores, com um parque que incentiva diferentes tipos de esporte e desenvolve várias práticas lúdicas”, avaliou Siciliano.

Brasília Ambiental - Governo do Distrito Federal

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543