Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
23/03/15 às 16h04 - Atualizado em 17/12/18 às 11h24

Na Mídia: Em Dia Mundial da Água, governo reforça prioridade ao tema

(Matéria publicada na Agência Brasília, dia 22 de março de 2015)

Programação para lembrar a data incluiu lançamento de uma agenda de mobilização do poder público e da sociedade

O Jardim Botânico de Brasília recebeu, na manhã de hoje, uma extensa programação voltada ao Dia Mundial da Água, comemorado neste domingo, 22 de março. Quem esteve no local pôde assistir a uma apresentação sobre os mananciais da capital mostrando que, apesar de não haver risco de crise hídrica para os próximos anos, há estudos da Empresa Brasileira de Pesquisa e Agropecuária (Embrapa) que indicam a necessidade de medidas preventivas.

Pensando nisso, o governo lançou, durante o evento, o Mapa Caminho das Águas — uma agenda de mobilização sobre o tema para um período de quatro anos. De acordo com a Secretaria do Meio Ambiente, responsável pela consolidação do documento, poder público e sociedade podem sugerir propostas para colaborar com a pauta. Um exemplo de ação prevista nessa agenda é o zoneamento econômico-ecológico do DF, que visa à recuperação e à proteção das nascentes. A meta da pasta é que uma minuta de projeto de lei sobre o tema esteja pronta até julho.

Esses cuidados também visam à realização do Fórum Mundial da Água, que o DF sediará daqui a três anos. “Em 2018, Brasília vai ser uma referência nacional e mundial de uma cidade que despertou e colocou o desenvolvimento sustentável e a boa utilização dos recursos hídricos como prioridades, envolvendo toda a população”, idealizou o governador Rodrigo Rollemberg.

Parcerias

Na ocasião, o governador assinou, com a organização não governamental WWF-Brasil, a adesão ao movimento Hora do Planeta. Em 28 de março, alguns prédios como Congresso Nacional, Palácio do Planalto, Supremo Tribunal Federal, Catedral, Palácio do Buriti e Memorial JK serão desligados durante 60 minutos, em ato simbólico pela preocupação com o meio ambiente.

Uma carta de intenções entre o Jardim Botânico e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) também foi firmada. O intuito do documento é fortalecer as duas instituições envolvidas, ampliar a capacidade de geração de pesquisa, produzir estudos científicos e desenvolver ações de conservação integrada.

O evento deste domingo contou com a participação de alunos, pais e professores de uma escola do Lago Norte e do grupo Seu Estrelo e o Fuá do Terreiro, que apresentou uma performance sobre a importância da preservação dos recursos hídricos.

Também estiveram presentes os secretários do Meio Ambiente, André Lima; de Saúde, João Batista de Sousa; de Educação, Júlio Gregório; de Ciência, Tecnologia e Inovação, Paulo Salles; de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural, José Guilherme Leal; os presidentes da Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb), Maurício Luduvice; da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento, (Adasa-DF), Vinícius Benevides; do Instituto Brasília Ambiental (Ibram), Jane Vilas Bôas; e o diretor-executivo do Jardim Botânico, Jeanitto Sebastião Gentilini Filho.


Brasília Ambiental - Governo do Distrito Federal

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543