Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/05/19 às 15h20 - Atualizado em 10/06/19 às 8h15

“Meio Ambiente no Eixo” abre programação da Semana do Meio Ambiente

O Eixão Norte estará movimentado e repleto de atrações neste domingo (2 de junho). Para marcar a abertura da Semana do Meio Ambiente, o Governo do Distrito Federal promove, no local, o evento “Meio Ambiente no Eixo”, coordenado pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema).

Das 9h às 13h, na altura da 211/212 Norte, o público terá acesso gratuito a uma série de atividades de educação ambiental, com jogos, gincana, teatro, desenhos, pinturas e oficinas artísticas, além de exposições, roda de conversas com indígenas e troca de informações sobre experiências bem-sucedidas com hortas e frutos do Cerrado.

“Sabemos que o planeta já não consegue repor grande parte dos recursos naturais que foram destruídos pelo homem”, avalia o secretário do Meio Ambiente, Sarney Filho. “As mudanças climáticas são uma realidade e, por isso, é fundamental um novo olhar para o futuro. ” Ele destaca a importância de discutir permanentemente iniciativas que visem à qualidade de vida para todos.

 

Participações

Órgãos de governo, além da iniciativa privada, ONGs e colaboradores voluntários aderiram ao desafio de organizar um grande encontro para interagir com crianças, jovens e adultos. Participam da iniciativa equipes do Jardim Botânico, Jardim Zoológico, Instituto Brasília Ambiental (Ibram), Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa), Companhia de Saneamento Básico (Caesb), Corpo de Bombeiros Militares do DF (CBMDF), Serviço de Limpeza Urbana (SLU), Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), Companhia Energética de Brasília (CEB), Agência Nacional de Águas (ANA) e Administração Regional do Plano Piloto.

O evento conta com o apoio do Projeto CITinova, do Global Environmental Facility (GEF). O fundo é gerido pela Organização das Nações Unidas (ONU), com coordenação local da Sema, responsável por projetos no DF, como o de agrofloresta, voltado para a proteção das bacias do Paranoá e do Descoberto.

 

Destaques

Por meio de atividades lúdicas e educativas, o público poderá conhecer, no mesmo espaço, iniciativas de reciclagem de resíduos sólidos, saneamento, mudança do clima, equilíbrio hídrico e biodiversidade, com vistas ao engajamento da população pela sustentabilidade do DF.

No local estará a unidade móvel de educação ambiental da Caesb, o ônibus Expresso Ambiental. Nas instalações do veículo, será apresentada uma maquete de seis metros pela qual é possível acompanhar o ciclo do saneamento, desde a captação de água no manancial até a devolução do efluente tratado. A meta é aprimorar o atendimento à comunidade, abrindo o debate sobre consumo consciente de água e a importância da participação da sociedade no bom funcionamento dos sistemas de abastecimento e esgotamento sanitário.

Os visitantes poderão conferir, também, o Metamóvel, uma ação pedagógica para crianças e adultos sobre o funcionamento da estação de metarreciclagem em um ônibus. O veículo possui sete etapas montadas em uma bancada para que as pessoas possam entender como funciona todo o processo realizado com o lixo eletrônico. A iniciativa é da ONG Programando o Futuro. Uma das etapas mostra miniaturas de todos os resíduos gerados com o lixo eletrônico; em seguida, são apresentados os produtos criados a partir dos resíduos, como chaveiros e tablets.

 

Realidade virtual

Numa das tendas, por meio de instrumentos específicos, o público terá acesso a conteúdos relacionados às temáticas ambientais. Ao induzir efeitos visuais, sonoros e táteis, a realidade virtual permitirá a imersão completa em um ambiente simulado, com ou sem interação do usuário.

 

Uma oficina de compostagem vai ensinar como fazer um minhocário para estimular a reciclagem do lixo orgânico, contribuindo para o meio ambiente. À frente da iniciativa está o Jardim Botânico de Brasília (JBB), que, durante toda a Semana do Meio Ambiente, promoverá atividades especiais em sua sede. O JBB distribuirá mil sementes de plantas nativas do Cerrado, com material explicativo.

 

No mesmo espaço, equipes do Jardim Zoológico vão apresentar o espetáculo de fantoches O Sumiço da Onça e farão pintura nas crianças com figuras de animais, além de exibir uma exposição de animais empalhados. Outra atração artística correrá por conta do Teatro Arte Seletiva, com A Riqueza do Lixo, espetáculo montado pelo SLU com orientações sobre coleta seletiva. Também ainda distribuídos ímãs sobre os dias e locais de coleta.

 

Prevenção de incêndios

Com a chegada do período seco ao DF, a Sema e o Corpo de Bombeiros vão mostrar as ações de prevenção que estão sendo realizadas e orientar a população sobre os cuidados para evitar focos de incêndio. Os bombeiros levarão os equipamentos de utilizam em suas ações. Jogos educativos e gincana, conduzidos por especialistas da Sema, estão programados para as crianças.

 

A Administração Regional do Plano Piloto apresentará projetos de educação, preservação e inovação voltados ao desenvolvimento sustentável. Entre os destaques, estão as iniciativas Jardins de Cerrado, CED – Agrourbano e a Superquadra Sustentável. Já a Greenambiental, empresa pioneira na reciclagem de vidro no DF, fará coleta de vidro para reciclagem no local do evento.

 

Adasa na Escola

O programa de educação ambiental Adasa na Escola promoverá uma aula-espetáculo, com didática focada no uso racional da água e descarte adequado de resíduos. A ação transcorre em forma lúdica, com músicas, brincadeiras e performances de membros da equipe.

 

As crianças poderão se divertir com a oficina Lago Poluído, ferramenta pedagógica elaborada com materiais didáticos que simulam um lago sujo no qual os participantes têm a oportunidade de fazer a limpeza com varinhas de pescar.

 

Outras atividades recreativas e educativas para a criançada são a amarelinha, uma brincadeira pedagógica com práticas de uso racional da água e dicas para não desperdiçar; e a gincana com corrida, que envolve o correto descarte de resíduos sólidos.

 

Projeto CITinova

O evento conta com a participação do projeto CITinova, que é uma parceria do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação (MCTI) e o Programa ONU Ambiente. Financiado pelo Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF), o programa tem por objetivo desenvolver soluções tecnológicas inovadoras e o planejamento urbano integrado para apoiar a administração pública na promoção de cidades sustentáveis. O projeto também privilegia a integração e o acesso da sociedade na participação e no monitoramento da gestão pública. Todos juntos por uma Brasília mais sustentável!

 

Serviço

 

Programação geral, das 9h às 13h

  • Contação de histórias, com o índio Dan Wapichana (9h)
  • Roda de conversa com os índios (10h30)
  • Espetáculos: O Sumiço da Onça (10h30) e A Riqueza do lixo (11h)
  • Realidade virtual com temática ambiental
  • Expresso Ambiental, ônibus de educação ambiental da Caesb, em uma viagem pelo Ciclo do Saneamento
  • Metamóvel, ônibus com equipamentos que mostram o funcionamento de uma estação de metarreciclagem
  • Exposição sobre projeto novo de reciclagem de bitucas de cigarro
  • Exposição de artesanato feito com material reciclado
  • Oficinas de compostagem
  • Distribuição de mil sementes de plantas nativas do Cerrado
  • Demonstração, com o uso de maquetes, das diferenças entre as metodologias de destinação final de Resíduos Sólidos Urbanos (RSU) em um lixão e em um aterro sanitário
  • Distribuição, pelo SLU, de materiais sobre coleta seletiva
  • Exposição de equipamentos utilizados no combate a incêndios florestais
  • Apresentação dos projetos Jardins de Cerrado, CED – Agrourbano e Superquadra Sustentável
  • Coleta de vidro para reciclagem, por empresa especializada
  • Gincana e jogos infantis com o tema “Meio Ambiente”
  • Exposição de cartazes com o tema “Eu amo o Cerrado”, comemorando o segundo aniversário do Museu do Cerrado, órgão do Ibram que divulga conhecimentos científicos e o saber popular sobre sociobiodiversidade do sistema biogeográfico do Cerrado. Haverá distribuição de cartazes.
  • Exposição de fotografias comemorativa dos a0 anos da Estação Ecológica de Águas Emendadas (Esecae)
  • Exposição de carros elétricos
  • Aula-espetáculo do programa de educação ambiental Adasa na Escola
  • Oficina Lago Poluído, da Adasa
  • Brincadeira “Amarelinha”
  • Gincana da Adasa, com corrida que envolve o correto descarte de resíduos sólidos

 

Atrações promovidas por colaboradores

  • Das 9h às 13h: degustação de sorvetes de frutas do Cerrado (Sorbê), geleias de Pancs (Plantas Alimentícias não Convencionais), marmelada e rapadura dos quilombolas de Goiás
  • 9h: aula de deha yoga, com Talyta Mendes
  • 9h: lian gong (prática chinesa para tratamento e prevenção de dores), com Bete Parente e Elayne Pereira

 

Com informações da SEMA.

Instituto Brasília Ambiental - Governo de Brasília

IBRAM

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543