Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/05/21 às 13h51 - Atualizado em 17/05/21 às 8h15

Instrução recomenda Programas de Educação Ambiental em ambiente virtual

 

 

O Instituto Brasília Ambiental publicou no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) a Instrução n° 122 que autoriza e recomenda, excepcionalmente, enquanto perdurarem os efeitos da pandemia da covid-19, a realização, em ambiente virtual, dos Diagnósticos Socioambientais Participativos (DSP). Relacionados aos Programas de Educação Ambiental (Pea), o diagnóstico é uma das condicionantes exigidas nos processos de licenciamento ambiental realizado pelo Brasília Ambiental, em cumprimento às medidas mitigadoras ou compensatórias.

 

Segundo o analista de Atividades de Meio Ambiente e educador ambiental do Instituto, Luís Gatto, esse documento informa as novas formas para realizar um Pea, considerando a necessidade de medidas de prevenção e controle da disseminação da Covid-19. Além das reuniões virtuais, a instrução informa ainda que, caso seja inviável a realização remota, os encontros presenciais deverão ser com pequenos grupos e seguir todas a medias de prevenção já amplamente divulgadas. Os Diagnósticos interrompidos por conta da pandemia possuem 120 dias para sua execução.

 

“O DSP é um trabalho de mobilização comunitária. O objetivo é identificar os projetos de educação ambiental que já existem na comunidade e também promover encontros que vão reunir as lideranças locais para proporcionar um engajamento entorno do Projeto de Educação Ambiental. Já tivemos duas experiências bem sucedidas com o Pea virtual, que teve mais participação que em reuniões presenciais”, explicou Luís Gatto.

Brasília Ambiental - Governo do Distrito Federal

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543