Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/10/13 às 18h53 - Atualizado em 17/12/18 às 11h24

Equipe limpa galerias próximas ao HRAN no fim de semana

O secretário de Meio Ambiente, Eduardo Brandão visitou, na manhã deste sábado (26), o local onde estão sendo feitos os trabalhos de limpeza da galeria pluvial atingida pelo vazamento de óleo, próximo ao Hospital Regional da Asa Norte (HRAN).

Segundo Brandão, a ação tem o objetivo de limpar toda a área, ainda impregnada de gordura. “Encontramos óleo em todo o canal que liga a galeria próximo ao HRAN até o ponto final, no Lago Paranoá, na altura do Iate Clube de Brasília”, explica. Ele acrescenta ainda que o primeiro laudo feito pela UnB aponta que o óleo encontrado no Lago é semelhante ao das caldeiras do hospital e que um outro laudo comparando o material utilizado nas obras de base alfáltica está sendo feito também pelo professor Paulo Soarez da UnB.

Na manhã deste sábado, o resíduo impregnado nas paredes do canal foi bombeado com jatos de água. No local, além do secretário Eduardo Brandão, participaram dos trabalhos o Corpo de Bombeiros e técnicos da Novacap.

Neste fim de semana, o trabalho continua até chegar ao acesso final, do lago. Funcionários da Petrobras estão posicionados, todos os dias, na orla do Iate para conter o óleo. O Serviço de Limpeza Urbana (SLU) recolherá a substância poluidora para reciclagem em uma cimenteira.

Segundo o tenente-coronel Alan Araújo, do Grupamento de Proteção Ambiental do CBMDF, a mancha da galeria está contínua e bem definida, na altura de um meio-fio. Das 600 Norte em diante, já cabe alguém em pé dentro da rede, isso permite que o trabalho seja mais ágil. 

Limpa Brasil 

O movimento Limpa Brasil. Let’s do it! foi lançado em Brasília nesta manhã de sábado (26), no Parque Olhos D’Água, na Asa Norte. A ação é uma forma conscientizadora de incentivo do descarte correto do lixo.

Eduardo Brandão, secretário de Meio Ambiente e de Recursos Hídricos (Semarh), esteve presente na solenidade de abertura do evento e comentou que se incomoda com a situação de Brasília. “Temos o maior lixão a céu aberto da América Latina, mas estamos trilhando um caminho para sair desta realidade. Vamos ter um aterro sanitário descente na cidade, a coleta seletiva implantada e em todos os processos, incluimos os catadores. Estamos no caminho correto. Brasília será uma das cidades mais sustentáveis daqui a pouco tempo”, diz Brandão.

O governador Tadeu Fillipelli, também presente, ratificou o discurso de Brandão e acrescentou que faz parte de um governo em que o meio ambiente tem um lugar especial. Já a ministra do meio ambiente, Izabela Teixeira, parabenizou a atitude da ação em Brasília. “Gostaria que este movimento se tornasse referência nesta Capital como é a faixa de pedestre, onde as pessoas reclamam. Jogar lixo na rua deveria ser do mesmo jeito”, conclui.

Mais de 50 pontos cidade, sendo 41 escolas, nove parques e 5 estações de metrô, estiveram receberam resíduos reciclados de voluntários. Mais de 35 mil pessoas participaram do evento. Todo o material foi doado para cooperativas do DF. A coleta em Brasília foi de 65 toneladas.

A Secretaria do Meio Ambiente (Semarh) e do Instituto Brasília Ambiental (Ibram) disponibilizaram nove de seus parques, entre eles os Parques de Uso Múltiplo do Lago Norte, Ecológico e de Uso Múltiplo Olhos D’Água – Asa Norte, Jequitibás – Sobradinho, Ecológico da Ermida Dom Bosco – Lago Sul, Uso Múltiplo da Asa Sul, Urbano Bosque do Sudoeste e Três Meninas – Samambaia para o recolhimento e entrega de material reciclável.

O movimento Limpa Brasil. Let’s do it! se encerrou com shows dos artistas Lenine e Monobloco, no Museu da República. A Orquestra Sinfônica de Brasília abriu o shows musicais. Mais de 35 mil pessoas participaram do movimento como voluntários, incluindo os participantes do show. 

 Confira aqui o laudo do exame realizado pela UNB, no ultimo dia 28

Brasília Ambiental - Governo do Distrito Federal

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543