Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/04/17 às 13h32 - Atualizado em 29/01/20 às 11h24

A importância do Parque Três Meninas para Samambaia

Os moradores de Samambaia, que hoje desfrutam do Parque Três Meninas, talvez desconheçam, mas a área de lazer e preservação carrega no nome a história da família do pioneiro Inezil Penna Marinho, que veio com a família ajudar na transferência do Ministério da Educação e Cultura para a nova Capital do Brasil. Eles chegaram na década de 1960, bem antes do surgimento da cidade.

 

No fundo do terreno, que atualmente abriga o Parque Três Meninas, o pioneiro fez três casas de bonecas, em homenagem as suas filhas (Zilta, Marine e Martita), e por isso foi dado esse nome à área de 72 hectares do então Núcleo Rural de Taguatinga.

 

Na Granja Três Meninas (antigo nome) se criavam frangos, galinhas, patos e perus que eram fornecidos para o Hotel Nacional de Brasília. Na década de 1980, o local passou a ser utilizado como ponto de distribuição de lotes para a ocupação de Samambaia. Em 1989, foi criada a Região Administrativa e a chácara abrigou o projeto Casa da Cultura, que possuía uma Escola Classe e biblioteca. Em seguida, o local foi sede de um posto de saúde de tratamentos alternativos com medicamentos fitoterápicos, além de ter abrigado também um assentamento provisório de sem terras.

 

Criado em 1993, pela lei n° 576, de 26 de outubro daquele ano, o Parque Três Meninas, administrado pelo Instituto Brasília Ambiental (IBRAM), possui uma grande diversidade de flora típica do bioma Cerrado e uma fauna bem diversificada, com corujas do mato, tucanos, micos e diversos outros tipos de pássaros. Há ainda quadras de futebol, vôlei de areia, skate e ciclovia com 1km de extensão.

 

IMG 7588Foto: Fernando Mesquita/IBRAM

 

Durante a semana o Parque recebe diversas atividades gratuitas. Nas segundas e quartas o frequentador pode fazer aula de ginástica no período vespertino, as terças e quintas é possível fazer yoga pela manhã ou a tarde, já nas quartas e nas sextas acontece uma terapia comunitária orientada por uma psicóloga. Para mais informações, basta procurar a sede do Parque.

 

IMG 7596                                                                                     Foto: Fernando Mesquita/IBRAM

 

Para o agente de unidades de conservação e parques Marco Sathler, lotado desde 2010 no local, é um grande prazer atuar na unidade. “É muito recompensador trabalhar em um local assim. A população vem muito para praticar esportes e fazer piquenique e o Parque está aberto a todos”, afirma.

 

Área de Relevante Interesse Ecológico Juscelino Kubistchek
O parque Três Meninas está dentro da Área de Relevante Interesse Ecológico Juscelino Kubistchek – ARIE JK. Essa Área foi criada pela Lei nº 1002, de 2 de janeiro de 1996, que une as três maiores cidades do Distrito Federal: Taguatinga, Ceilândia e Samambaia. Juntas, elas somam mais de 50% da população do Distrito Federal.

 

A ARIE JK guarda uma diversidade floristica, nativa e exótica, formando um pulmão que permeia as cidades renovando o ar da região. As inúmeras nascentes e os córregos Cortado, Taguatinga e Ribeirão Taguatinga/Melchior são tributários da bacia do Descoberto e da represa do Corumbá IV, cujas águas, fontes de vida, estão destinadas ao abastecimento da população dessas cidades.

 

Os animais silvestres que moram e transitam na região encontram ambientes e alimentos que lhe dão vida e sustentação dentro do verdadeiro corredor ecológico formado pelas áreas de preservação e pelo conjunto da vegetação mantida na área.

 

Serviço
Parque Três Meninas
Local: entre a QR 609/611 – Samambaia Norte
Horário: das 7h às 18h diariamente
Entrada: gratuita

Brasília Ambiental - Governo do Distrito Federal

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543